Bianca Bracho: Conhecendo o Norte da Argentina: Tucuman, Salta y Jujuy -->

Conhecendo o Norte da Argentina: Tucuman, Salta y Jujuy

Olá meus queridos,


Vou contar para vocês sobre uma viagem que fiz para o Norte da Argentina. Muitas pessoas vem para Buenos Aires e desconhecem os encantos que o norte argentino tem, justamente pela distância ou pela falta de conhecimento mesmo sobre o norte argentino. Acredito que todas as pessoas deveriam pelo menos uma vez na vida se permitir conhecer um lugar tão lindo como o norte da argentina.
De modo geral, a Argentina é um país grande e diverso. Você encontrará de tudo um pouco: praia, cidade, campo, montanhas (Cordilheira dos Andes), neve, icebergs, deserto de sal...
A viagem que fiz, não foi muito convencional.
Fechei um pacote com uma empresa que se chama Kilometro Uno, não sou adepta a pacotes turísticos, mas como encontrei uma opção super interessante decidi fechar e aproveitar.
Paguei $4800,00 pesos (Transporte, hospedagem, visitas guiadas), passamos por diversos lugares e ficamos boa parte dos 5 dias no ônibus, tendo vantagens e desvantagens.
A grande vantagem é conhecer o máximo de lugares em um curto espaço de tempo, a desvantagem é não poder conhecer tão bem cada lugar. Esse pacote é bem legal e completo, porém, confesso que ficamos pouco tempo em cada lugar.



Obs: Leve dinheiro em especie, porque muitos lugares nao aceitam cartão.
Obs 2: a cotação atualmente esta 1 real = 4,80.



Como fomos de ônibus passamos por muitos lugares, essa empresa faz diversas paradas, passamos por Córdoba (apenas paramos para comer), Santiago de Estero, Tucuman (Tafi del Valle), Cafayate (almoçamos e demos um passeio na praça central, ficou faltando conhecer as vinícolas), Salta (que lugar lindo, tem até um mirante com um painel falando Salta linda), Jujuy...
Outra vantagem de viajar em um ônibus é que pudemos acompanhar todo o trajeto de pertinho, o Norte é caracterizado pela diversidade das cores, da vegetação, as montanhas mudam muito conforme você vai avançando. Por exemplo, em Tucuman a vegetação e as montanhas são bem parecidas com as que você encontra na serra brasileira, conforme você vai passando por Cafayate as montanhas se tornam vermelhas pela quantidade de ferro que existe nas rochas (é tão maravilhoso), Entre Salta e Jujuy você encontra um arco iris nas montanhas hahahahha é tão lindo que parece de mentira. A infinidade de cactos é absurda, justamente pelo tipo de clima da região.




Jujuy
Custos:/Compras: Em geral gastamos pouco e conhecemos o máximo de lugares possíveis. Comprar no norte argentino é mais em conta do que em Buenos Aires, você encontrará muito artesanato: Roupas, lenços, tênis, mochilas, enfeites para a casa, temperos...
Achei muitas coisas lindas, porém acabei não comprando muito, porque já tinha muitas coisas parecidas, decidi comprar caminhos de mesa que estavam super baratos (4 caminhos de mesa x 100,00 pesos), uma mochila toda feita a mão (230, 00 pesos), lenços (100 pesos cada), chaveiros, alguns temperos (sou a louca dos temperos kkk).
A comida no geral era quase o mesmo preço que em muitos lugares em Buenos Aires, por volta de 100,00 a 130,00 cada refeição, obvio que tem opções mais econômicas como empanadas, salgadinhos e outros itens que você pode comprar no mercado.




Comida: Gente eu amo comer, porém, não curti muito a culinária do norte, o que eu gostei e que já havia provado foi a Humita (milho, tomate, queijo, e folha de milho). Você encontrará em muitos lugares Cazuela de Cabrito (me pareceu que a carne vem com muita gordura). Milanesa de llama (eu não comi também a milanesa de llama), porque foi o animal que mais vi durante a viagem e nao tive coragem, principalmente porque tirei foto com uma hahahahhaa Para os carnívoros, vocês não encontraram muitas opções, porque como no norte é mais difícil encontrar vacas, as carnes principais consumidas na região são de Cabrito e llama, pelo menos foi o que eu percebi. Ah e em quase todos os lugares a sobremesa que você encontrará sera o Queso de Cabra con Miel (achei forte, mas experimentem).
De resto nada muito diferente do que a comida que você encontra em Buenos Aires...

Salinas Grandes


Hospedagem: Como fiquei hospedada em um hotel do pacote não poderia opinar sobre esse assunto, o que sugiro é que você entre no site do Booking.com e pesquise hotéis na região. Sempre que viajo vejo pela pontuação, comentários e localização (já reservei uma vez um que era barato e ficava tao longe dos pontos turísticos que gastava uma fortuna com transporte). Então verifique bem a localização e os pontos turísticos. Ás vezes o barato sai caro. 




Lugares que você precisa conhecer:
  • Cerro de los Siete Colores
  • Quebrada del Rio de las Conchas
  • Quebrada de Humahuaca
  • Anfiteatro Natural
  • Catedral de Salta
  • Iglesia San Francisco
  • Abra del Infernillo
  • Pummamarca
  • Tafi del Valle
  • Salinas Grandes
  • Vinícolas em Cafayate
Cierro de los Siete Colores
Além disso, leve sempre em consideração que é importante ler um pouco sobre os lugares que você vai, para não ter surpresas. Principalmente sobre a questão da segurança, higiene dos alimentos, tipo de comidas que você encontra no lugar que irá (no caso de você ter alguma restrição alimentar), moeda (onde comprar, inflação, tipos de cambio, se levar cartão de crédito). E se achar interessante, ler um pouco sobre a história do lugar.

Acredito que é isso, qualquer dúvida...me avisem!

Beijos


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *